fevereiro 27, 2013

Festival da Canção de Sanremo &
Roberto Carlos!

FESTIVAL DA CANÇÃO ITALIANA!
A Itália é definitivamente um país especial, alegre, onde se come bem e onde se vive “benne”. E faz questão de tratar a música e a sua comida típica com a devida seriedade. A “dieta mediterrânea” é milagrosa e...deliciosa. A música, então, anualmente é reverenciada, todos os dias, mas tem o seu ponto alto no FESTIVAL DE SANREMO.
Como sempre, este ano aconteceu o Festival da Canção Italiana (63ª edição), mais conhecido como "Festival de Sanremo". Parece que o festival está sempre a renascer, com índices de audiência de até 52%. Boa notícia para os músicos locais e para os anunciantes. O vencedor era mais que esperado: o bom Marco Mengoni, com um segundo lugar que apreciei muito para Elio e le Storie Tese.
Mas o Festival de Sanremo ( Festival della canzone italiana) é tido como um dos mais importantes festivais de música de todo o mundo, sendo considerado o mais importante da Europa. Não é para menos: são 63 anos! Desde 1951 é realizado sem interrupção. Teve momentos difíceis, mas tem se renovado sempre e sempre alcançando o sucesso.
San Remo é uma pequena e encantadora cidade localizada no norte da Itália, tendo no cultivo, exposição e vendas de flores a sua principal fonte de renda. Isso até 1951. Depois o Festival da Canção Italiana passou a ser a sua “chancela”, a sua marca principal e maravilhosa.
E em todo empreendimento, surgem cantores e compositores que marcam de tal forma a sua apresentação e a música cantada que ficam como as doces lembranças desse famoso festival. Assim, o cantor e compositor Domenico Modugno foi o 1º colocado em 1958, com a música de sua autoria “Nel Blu Dipinto Di Blu”, que ficou mundialmente conhecida como “Volare”. É só falar em Sanremo e vem na lembrança da música Volare! Ficou como a “música oficial” do Festival.
E em uma Itália sempre romântica, a música, “Dio Come Ti Amo”, também de autoria de Domenico Modugno, apresentada em 1966, pela jovem e delicada Gigliola Cinquetti encantou a todos. Foi a 1ª colocada. Quando estive em Roma jantando no restaurante “Alfredo”, a música que pedimos aos músicos foi essa... Inesquecível.
Não é fácil citar todos os cantores e vencedores do Festival de Sanremo, mas alguns nomes precisam ser lembrados: Domenico Modugno (4 vezes vencedor), Claudio Villa (4), Paola Turci (5), Enrico Ruggeri (3), Marco Masini (3), Mia Martini (3), Peppino di Capri, Massimo Ranieri, Bobby Solo, Teddy Reno, Sergio Endrigo, Al Bano, Romina Power, Gianni Morandi, Adriano Celentano, Renzo Arbore, Laura Pausini, Andrea Bocelli, Gigi D’Alessio, Eros Ramazzotti e muitos outros. Sempre prestigiado com a apresentação de cantores estrangeiros, como Ray Charles e Frank Laine, contou também com a presença de cantores brasileiros como Gal Costa e Caetano Veloso.
Roberto Carlos: o “Rei de Sanremo!”
Roberto Carlos sendo apresentado pelo famoso Pippo Baudo
Sergio Endrigo e Roberto Carlos
Em 1968 – há 45 Anos! - Roberto Carlos já era considerado “rei” aqui no Brasil. O comando da Jovem Guarda lhe derá a base necessária para a sua segunda fase mais romântica. Nesse ano, convidado, apresentou-se no Festival de Sanremo, cantando a música “Canzone Per Te”, de autoria de Sergio Endrigo.
No Brasil, foi festivamente consagrado como “Rei de Sanremo”. A sua interpretação foi marcante e ganhou a preferência dos italianos. Voltando, ainda por muito tempo cantava esse seu sucesso internacional. Seguramente, o FESTIVAL DA CANÇÃO DE SANREMO continua a mobilizar os amantes da boa música, transformando-se em grande atração internacional!

7 comentários:

Anônimo disse...

Nem me fale, Armando. A música cantada pela Giglioli Cinquetti é a minha preferida. Me faz viajar, viajar,viajar... Ah, o amor...
(carla.bueno2011@bol.com.br)

Delmanto disse...

Seguramente, o Festival de Sanremo é um sucesso. Neste ano, foi apresentando em meados de fevereiro, mas sempre acontece em fevereiro ou março. A vitória de Roberto Carlos, em 1968, com a canção “Canzone Per Te”, de Sergio Endrigo, mercê um espaço bom no programa anual do cantor. A TV Globo e Roberto Carlos bem que poderiam dar o devido destaque, com gravação da época e mostrando a repercussão que teve o sucesso de Roberto Carlos na Itália.
Certamente, a grande maioria de nossos jovens desconhece esse grande feito do mais popular cantor brasileiro.
Festival de Sanremo de 1968, uma boa pedida!

Anônimo disse...

Joana Sant'Iago compartilhou sua foto.
‎Nada como uma música italiana pra curtir uma paixão rsrsr
Bom dia. Seja Feliz.

Anônimo disse...

Roberto foi o vencedor em 1968, mas já tinha quase participado em 1967 e, em 1969, voltou a se apresentar mas não conseguiu classificar a música “Um Gatto Nel Blu”. É muito disputado o Festival de Sanremo e a qualidade da canção apresentada pesa muito. Vamos ver se a TV Globo faz um programa abordando essa grande conquista do nosso Rei.
(p.gomes@yahoo.com.br)

Anônimo disse...

Ana Maria Nogueira Pinto Quintanilha (Facebook); Eu sou fã de carteirinha do RC!

Anônimo disse...

Antonina Mendonça (Facebook): Espetacular! Rei é rei, não se discute! Boa tarde!

Anônimo disse...

Quanta lembrança boa...Roberto Carlos e a Gigliola Cinquetti... E o Candelabro Italiano... ufa!
(mariceiaoliveira@yahoo.com.br)

Postar um comentário